Utilizamos cookies essenciais e tecnologias de acordo com a nossa Política de Privacidade e nossos Termos e Condições de Uso. Ao continuar navegando, você concorda com esta utilização.      

SUAS LETRAS - Letras de Músicas e Clipes para ouvir










  R&B      Daniel Caesar      Entropy (Tradução)


              

Daniel Caesar - Entropy (Tradução)







Versão Original

Entropia

Lembrei de algumas linhas do texto sagrado hindu, o Bhagavad-Gita
Vishnu tenta persuadir o príncipe de que ele deveria cumprir seu dever e
Para impressioná-lo, assume sua forma com múltiplos braços e diz: Agora eu me tornei a morte, a destruidora de mundos

Como isso pôde acontecer? Eu finalmente encontrei a paz
Porém, quanto tempo até ela ser tirada de mim?
Então vamos, amor, no tempo todos paremos
Não há como parar essa entropia

Sou apenas um cachorro que encontrou um osso?
Ou talvez eu tenha encontrado uma casa?
Andei farejando por toda a cidade
Eu simplesmente não consigo me acalmar

Seus olhos estão no pardal, estão em mim
Mais olhos do que a KGB
Às vezes sofro, às vezes sangro
Mas não os dois juntos, o tempo segue sem parar
Somente para a frente, nunca para trás
Procure a escuridão, o sorriso
Levante minha camisa até as vigas
Deixe as mariposas consumirem minha luz

Como isso pôde acontecer? Eu finalmente encontrei a paz
Porém quanto tempo até ela ser tirada de mim?
Então vamos, amor, no tempo todos paremos
Não há como parar essa entropia

Talvez meu ego esteja fora de controle
Posso evitar? Eu não sei
Costumava me odiar quando eu era um garoto
Agora que me sinto bem, eles tentam tirar minha felicidade

Seus olhos estão no pardal, estão em mim (olhos no pardal)
Mais olhos do que a KGB (KGB)
Às vezes sofro, às vezes sangro (às vezes)
Mas não os dois juntos, o tempo segue sem parar (segue)
Somente para a frente, nunca para trás (para trás)
Procure a escuridão, o sorriso (sorriso)
Levante minha camisa até as vigas
Deixe as mariposas me consumirem na luz

Como isso pôde acontecer? Eu finalmente encontrei a paz
Porém quanto tempo terei até ser tirada de mim?
Então vamos, amor, quando estivermos sós, congele-o
(O que o bom Deus lhe dá, ele lhe tira)
Não há como parar essa entropia
(Não há vida sem energia)
À deriva em direção ao congelamento profundo

Termodinâmica, não há escapatória
O que o bom Deus lhe dá, ele lhe tira
Não há vida sem energia
À deriva em direção ao congelamento profundo
Termodinâmica, não há escapatória
O que o bom Deus lhe dá, ele lhe tira
Não há vida sem energia
À deriva em direção ao congelamento profundo




Compartilhe

Compartilhe no Facebook      Compartilhe no Whatsapp      Compartilhe no Twitter




Deixe seu Comentário:

           

Traduções das Músicas

              







B



Best Part (feat. H.E.R.)
                                  







E



Entropy
    







F



Freudian
                        







L



Little Rowboat
                        







N



Neu Roses (Transgressor's Song)
                        







R



Restore The Feeling
    







S



Show No Regret